segunda-feira, 28 de junho de 2010

Após longos e tenebrosos invernos Toni Braxton lança Pulse

Finalmente, depois de muito drama, cancelamentos de shows, vazamentos de músicas e problemas com gravadora, Toni Braxon lança o álbum 'Pulse'.

Gravado há um bom tempo, e semi-finalizado o álbum caiu na rede obrigando a cantora a voltar aos estúdios para repaginar as faixas, algumas permaneceram inalteradas, outras ganharam novos arranjos supostamente mais atuais. O resultado de todo esse 'vai e vem' foi um álbum morno, datado e sem muita originalidade.

Toni se arriscou pelo campo mais Pop mesclando com seu som de influências da black music, se deixando levar claramente pelas cantoras de sucesso no momento, principalmente Beyoncé e Rihanna. O som não é ruim, mas peca muito pela similaridade, principalmente em algumas faixas; pra quem já ouviu o single "Yesterday" com certeza teve aquela impressão de já ter escutado antes, e sim a música é quase a mesma coisa de "Broken-Hearted Girl", as semelhanças com Beyoncé não param por aí tá? A faixa "looking at me" é uma mistura descarada de "Get Me Bodied" e "Single Ladies".

O estilo de produção das faixas também é muito parecida aos milhões de clones de "Halo" espalhados pelo mundo, um R&B mais pop, de produção mais crua, bateria aparente, sem muitos efeitos acompanhada de piano.

Mas é claro que o álbum não é feito só de "cópias" e coisas pouco originais. A ótima "Hero" nos remete à Toni Braxton do R&B urbano e seus tons graves envolventes. As grandes baladas não poderiam ficar de fora do álbum de uma Diva, as faixas "No Way" e "Why Don't You Love Me" cumprem muito bem esse papel e deixam bem claro no que Toni é realmente boa: cantar nossas dores de cotovelo e amores com muita emoção e melodias melosas.

Os atropelos definitivamente atrapalharam o processo criativo do álbum, muita coisa boa foi deixada de fora e a divulgação dos singles está bem duvidosa (3 clipes antes do lançamento do cd, como já foi comentado aqui) e tudo isso está resultando no mau desempenho dos singles e do álbum nos charts americanos, estreando em 9º na Billboard e caindo para 20º na semana seguinte.

Também foi lançada uma versão Deluxe que conta com 4 faixas inéditas e dois remixes de "Yesterday" sendo um deles com a participação do cantor Trey Songz.

Foram 5 anos sem lançar nada permeados por problemas de saúde e com gravadora, agora Toni está mais estabilizada e segura em relação à sua saúde, tomara que seus próximos trabalhos sofram menos com a pressão de se tornar atual e foque nos pontos fortes da cantora: as boas baladas cheias de Soul e o R&B urbano e 'divonico' que a consagraram como o ícone que é.

Preço médio: R$ 37,00

quinta-feira, 3 de junho de 2010

Top 10 - Billboard

Usher segue firme no primeiro lugar da parada de singles e se dando muito bem em seu novo álbum e a febre norte-americana Glee também se mantem no topo deixado a parada parecida com a semana passada.

Segue o top da Billboard!

Hot 100 Singles

  1. OMG - Usher feat. Will.I.Am
  2. California Gurls - Katy Perry feat. Snoopy Dogg
  3. Airplanes - B.o.B. feat. Hayley Williams
  4. Your Love Is My Drug - Ke$ha
  5. Break Your Heart - Taio Cruz feat. Ludacris
  6. Alejandro - Lady Gaga
  7. Nothin' On You - B.o.B. feat. Bruno Mars
  8. Bullettproof - La Roux
  9. Hey, Soul Sister - Train
  10. Not Afraid - Eminem

Top 200 Álbuns

  1. Glee: The Music, Volume 3 - Soundtrack
  2. Stone Temple Pilots - Stone Temple Pilots
  3. My World 2.0 - Justin Bieber
  4. Need You Now - Lady Antebellum
  5. Raymond V Raymond - Usher
  6. The Fame - Lady Gaga
  7. Exile On Main St. - The Rolling Stones
  8. Brothers - The Black Keys
  9. Live At The Troubadour - Carole King & James Taylor
  10. Distant Relatives - Nas & Damian Marley

terça-feira, 1 de junho de 2010

Luta de clones no novo clipe de Kelly Rowland

Kelly Rowland em mais uma parceria com David Guetta lança o vídeo para o single "Commander"... O clipe é bem fraquinho, uma batalha entre duas Kellys que no inicio parece coisa de mortal kombat, mas depois vira uma disputa ruinzinha com as duas fazendo a mesma coreografia (e cadê a luta mesmo?). David dá uma pinta no clipe na sua pickup mixando a música e quase não interage com Kelly, no final é tudo muito mais ou menos, pra não dizer ruim mesmo.

Estão dizendo por aí que esta versão não está finalizada e que amanhã sai a versão final, oremos pra que seja verdade e o resultado seja melhor do que esse aí.

O clipe vale a pena pelas coxas de Kelly Rowland.

Olha só

Muita pegação com Kylie Minogue em All The Lovers

Kylie que já é venerada no mundo GLS agora vai ganhar mais fãs com o vídeo de "All The Lovers", o clipe mostra muita pegação homem/mulher, mulher/mulher, homem/homem; muitos corpos à mostra e sensualidade; uma coisa bem a favor da diversidade.

E o vídeo é basicamente isso mesmo, as pessoas na rua, de repente tiram a roupa e começa o "surubão", se Britney ousou com 3 Kylie multiplica por muitos esse número, as pessoas vão se juntando e de repente se torna uma montanha humana com Kylie no topo.

Algumas coisas ficam meio perdidas no clipe, como um cavalo (?) que passa entre a galera.

O video tem um conceito estranho mostrado num visual clean e sensual. Vale ressaltar que Kylie está muito linda.

Dá uma olhada em "All The Lovers"



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...